Sala Cecília Meireles - Espaço Guiomar Novaes

14, 15, 16, 17 e 18 de outubro de 2019 - Rio de Janeiro

 

 

Museu de Arte da Bahia

  19 de outubro - Salvador

 

 

 

A Mostra e Concurso Nacional de Violão Fred Schneiter já fazem parte dos eventos tradicionais no cenário violonístico da América Latina e se estruturam da seguinte forma: desde sua primeira edição a Mostra e o Concurso vêm aperfeiçoando o seu perfil e seus objetivos. Com a criação do grupo informal intitulado Amigos da Mostra, em 2006, cujas doações viabilizam a realização da Mostra e do Concurso temos sempre como convidado um violonista da América Latina com a intenção de concretizar um intercâmbio tão fundamental para o desenvolvimento do violão brasileiro.

 

 

 

Fred Schneiter: 60 anos

 

A Mostra e Concurso Nacional de Violão Fred Schneiter já fazem parte dos eventos tradicionais do cenário violonístico da América Latina. A primeira edição do Concurso aconteceu em 2002, mas desde 2004 o evento acontece ininterruptamente. A Mostra acontece anualmente e o Concurso bienalmente. Neste ano, além da homenagem aos 60 anos de Fred Schneiter o evento homenageia os 80 anos do compositor carioca Ricardo Tacuchian, importante nome para o violão brasileiro por sua significativa obra para o instrumento e peça fundamental para o ingresso do violão no curso de ensino superior da UNIRIO e UFRJ, ao lado de Turíbio Santos. Com a criação do grupo informal intitulado Amigos da Mostra, em 2006, cujas doações viabilizam a realização da Mostra e do Concurso, temos sempre como convidado um violonista da América Latina com a intenção de concretizar um intercâmbio tão fundamental para o desenvolvimento do violão brasileiro. Este ano receberemos a violonista argentina Mirta Alvarez, grande divulgadora do violão da música argentina e reconhecida internacionalmente.

foto_fred02.jpg

FRED SCHNEITER

Friedrich Schneiter nasceu em Salvador/ Bahia, em 03 de outubro de 1959.

 

Após abandonar o terceiro ano do curso de engenharia elétrica, na Bahia, aos 20 anos, foi para o Rio de Janeiro em 1982 e iniciou seus estudos de violão com Luiz Antônio Perez decidido a ingressar no curso de bacharelado em violão na UNIRIO.

 

Participou de diversas formações cameristicas atuando como solista, em duos de violões, trios, quartetos e orquestra de violões e em conjuntos de música antiga.

 

Leia mais...

 

 

curso2.png

O CONCURSO 

Com periodicidade bienal (acontece sempre nos anos ímpares) o concurso segue os moldes do que está se tornando cada vez mais comum em importantes eventos como este: para a prova eliminatória as duas peças de confronto devem ser filmadas, sem emendas, e os links são anexados à ficha de inscrição, tudo on line.

 

O número de selecionados para as provas públicas é limitado a 8 candidatos tendo a Comissão de Seleção autonomia para reduzir ou aumentar, minimamente, este número de acordo com o nível dos candidatos.

 

 

Leia mais...

separador2.png
violao_drijpg.jpg

A MOSTRA

Acontece anualmente em outubro, mês de nascimento de Fred Schneiter. Além de violonistas e conjuntos consagrados existe um espaço reservado para os jovens violonistas e jovens compositores que estão escrevendo para o instrumento. Outra característica do evento é sempre convidar um violonista da América Latina.

cel.png

Luis Carlos Barbieri (Diretor da Mostra)
 (21) 98308-3337

 

fone.png

(21) 98308-3337

email.png

amigosdamostra@gmail.com